VIAGENS E IMAGENS 

images/navbar1x4.gif

 HOME  |  DESTINOS  |  QUEM SOMOS  |  CONTATO  |  DICAS
 
Principais destinos:
Belém
São Luis
Fortaleza
Natal
João Pessoa
Recife
Maceió
Aracaju
Salvador
Rio de Janeiro
São Paulo
Curitiba
Florianópolis
Porto Alegre
Belo Horizonte
Palmas
Brasília
Porto Velho
Vitoria e Vila Velha
Manaus
Boa Vista
 
Destinos Nacionais
 
Destinos Internacionais
 
Destino dos sonhos
 
Roteiros
 
Bate e Volta
 
Página inicial
 


APARECIDA

 
Um dos principais destinos turísticos do estado de São Paulo, Aparecida se orgulha de abrigar o maior santuário do mundo dedicado à Nossa Senhora. O movimento intenso não se restringe ao feriado de 12 de outubro, dia da padroeira do Brasil, quando mais de 200 mil romeiros visitam a cidade para ver a imagem da santa, encontrada por pescadores em 1717. Os hotéis da região ficam lotados também nos finais de semana comuns.
Cartão-postal é a Basílica Nova, em forma de cruz e capacidade para 45 mil pessoas
O cartão-postal é a Basílica Nova de Nossa Senhora Aparecida, inaugurado em 1955 e visitada pelo papa Bento 16 em 2007. Construída em forma de cruz, toda em tijolo à vista, tem capacidade para 45 mil pessoas e é visível da via Dutra, estrada que liga São Paulo ao Rio.
Além da imagem de Nossa Senhora, o espaço abriga ainda um museu sacro, um mirante a Sala das Promessas. Já a Basílica Velha, erguida em 1888, tem estilo barroco. Uma passarela de quase 400 metros liga os dois templos e descortina vista panorâmica da cidade e do santuário novo.
  Em 2003, a região inaugurou o Caminho da Fé, uma peregrinação de 525 quilômetros entre Cravinhos e Aparecida, passando por cidades entre Minas Gerais e São Paulo. Ao se inscreverem no projeto, os fiéis têm acesso a uma lista de pousadas associadas, um mapa detalhado e uma credencial que é carimbada em cada parada oficial.
O roteiro é sinalizado e atravessa vilarejos, bosques, trilhas e trechos de estradas. Em média, o percurso completo é feito em 20 dias. FONTE FERIAS BRASIL
 
 

 

 

 

 

Todas as fotos deste site  são de autoria de Antonio Alberto Q. Castro (Cidade de Tucuruí).